Oi, pessoal

Recentemente eu fiz uma viagem para os Estados Unidos. Eu foi para San Francisco, Las Vegas e Los Angeles. Ao total fiquei 17 dias na terra do Tio San. Foi uma experiência fantástica de imersão em uma cultura totalmente nova.

Depois que voltei muita gente está me perguntando como eu me programei e quantos eu gastei acom toda a trip. Bom, para facilitar para todo mundo resolvi fazer um post bem esclarecedor sobre o tema viajar para os Estados Unidos.

PASSAPORTE

A primeira coisa que você vai precisar para viajar para o exterior é um passaporte válido. Para os Estados Unidos, o documento não precisa ter menos de 6 meses de validade. Ele só não pode vencer no dias que você estiver em solo extrangeiro. O meu vence em fevereiro e eu viajei em novembro.

O passaporte com validade de 10 anos está custando no Brasil cerca de R$ 257,25. Para solicitar, você precisa acessar o site da Polícia Federal, através deste link, preencher alguns documentos, pagar a taxa e agendar a foto em uma unidade da PF mais perto da sua casa. O processo é rápido e em menos de um mês você já tem o documento em mãos.

VISTO

Eu fiz o meu visto com a Andressa, da Intercultural de Foz. O procedimento que parece complicado a primeira vista, na verdade é super simples. Fazer o visto com a Andressa foi mais ou menos assim: ela me passou um formulário para o preenchimento do documento Ds-160. Você coloca lá os seus dados pessoais, onde trabalha, onde trabalhou, referências, nada de muito complicado. Depois vai chegar no seu e-mail um documento para pagar no valor de U$ 160 (Aproximadamente R$ 600 na cotação de hoje, a R$ 3,75. Mas, como eu peguei o dólar a R$ 3 paguei R$ 480).

Depois que eu paguei essa taxa, a Andressa pode visualizar as datas e os locais que estariam disponíveis. Como eu tinha um curso para fazer em São Paulo, encaixou certinho data e local.

Em São Paulo você precisa ir em dois endereço. Um é o CASV (Centro de Atendimento ao Solicitante de Visto) para tirar a foto e deixar suas digitais. A entrevista consular é feito em outro dia no próprio consulado.

No consulado você precisa ter muita paciência, a minha fila demorou 4h. E atenção, você não pode entrar no consulado com nenhum tipo de metal incluindo celulares. Na frente tem uns comercios incluindo lockers que você pode alugar para deixar suas coisas.

A minha entrevista foi super tranquila, eles perguntaram para onde eu ia, com quem ia, quando ia e o motivo da viagem. Na hora ele já falou: seu visto foi aprovado.

Em uma semana meu passaporte já estava com a Andressa, na Intercultural, com o visto pronto.

Em São Paulo eu não gastei com hospedagem, pq fiquei na casa do meu amigo Luiz. Mas com as passagens gastei cerca de R$ 350 (ida + volta + taxas com a Gol saindo de Foz do Iguaçu).

Ah, esqueci de comentar. A Andressa cobra uma taxa de R$ 150 por visto.

TOTAL: Então, só com a “pré preparação” da viagem eu desembolsei R$ 1.357,25. Porém não é um valor que você vai ter que pagar de uma vez, fazendo cada coisa em um mês, você economiza e consegue se planejar.

PASSAGEM AÉREA + DESLOCAMENTOS INTERNOS

Como o dólar tá alto e as coisas aqui no Brasil não estão tão boas como nos anos anteriores, onde o brasileiro ia aos milhares para a gringa, as companhias baixaram os preços dos voos. Por isso, eu consegui uma promoção muito barata da American Airlines. Ainda mais que comprei os bilhetes com 5 meses de antecedência da partida. O meu trecho foi Curitiba – San Francisco. Ida + volta + taxas: R$ 1.250. Que eu paguei em 2x.

Como eu queria viajar internamente, nos States eu também peguei alguns trechos:

  • San Francisco – Las Vegas (American): U$ 53,02 (Que com as taxas deu R$ 251)
  • Las Vegas – Los Anges (Super Bus): U$ 35,50 (R$ 142)
  • Los Angeles – San Francisco (Northwest): U$ 53,95 (Que com as taxas deu R$ 250,60)

TOTAL: R$ 1.893

HOSTEL / HOTEL

Em San Francisco em fiquei hospedado em um hotel super bem localizado e gostosinho. O Amsterdam Hostel. Lá eu fiquei o total de 7 noites. Consegui a diária pelo valor de U$ 26 dólares. Deu U$ 184 ou R$ 736.

Em Las Vegas eu fiquei no Stratosphere Hotel 3 noites. Paguei um total de U$ 96 (com taxas e impostos) ou R$ 384.

Já em Los Angeles eu me hospedei no USA Hostels Hollywood, que é considerado um dos melhores hostels dos Estados Unidos. Super bem localizado, na calçada da fama. Recomendo muito! Com taxas + impostos deu U$ 167 ou R$ 668.

TOTAL: R$ 1.788

TRANSFERS HOTEL/AEROPORTO/HOTEL

Nos Estados Unidos, em qualquer parte dele, tem uma empresa chamada Super Shuttle, ela te pega onde for e te leva para o aeroporto e vice e versa. Eu gostei muito do trabalho dela e super recomendo. Pq, às vezes pode ser complicado sair e chegar em um aeroporto, principalmente quando é a primeira vez que vc está nele, e principalmente quando você chega de madrugada em um – que foi o meu caso, que priorizei por voos baratos.

Com 5 transfers desses eu gastei U$ 68 ou R$ 272.

GASTOS COM ALIMENTAÇÃO

Passados os gastos essenciais da viagem, agora vem alimentação, passeios e mais o que você quiser. Mas para você ter uma ideia de quanto custa uma alimentação básica, eu vou colocar por base o preço de um combo de Big Mac que custa U$ 6 dólares. Dá um bom almoço e alimenta para o resto do dia, visto que o serve Gatorade a vontade no refil do refrigerante. Então é uma boa dica para você que vai andar o dia todo e precisa estar “saudável”. Porém, nos últimos dia da viagem eu descobri o In’n’out, uma rede americana de fast food que serve sanduíches bem maiores que o Mc e mais barato. Fica a dica!

Como eu fiquei em hostel, tomava café da manhã lá. É costume eles disponibilizarem café e mistura para panquecas para você mesmo fazê-las. Então, eu passava em um mercado comprava alguma coisa, tipo um ovo, e fazia com panquenas no café da manhã. À noite também levava alguma coisa do mercado e esquentava na cozinha do hostel.

CURSO

Eu gosto muito de juntar um curso com uma viagem de férias. Acho que é uma oportunidade única de crescimento profissional e bagagem para o currículo. Eu queria mesmo era ter fazer o curso do NY Film Academy, em Los Angeles. Um curso de direção de cinema de uma semana custa U$ 1.200 – fica para uma próxima. Porém optei por um curso de extensão em Stanford. Custou U$ 325 (R$ 1.300). Você pode ter mais informações sobre cursos de 1 a 2 dias em Stanford clicando neste link.

3 comentários em “Quanto custou minha viagem para os Estados Unidos

  1. Adorei o post Garon!!
    Agora com essa valorização do dólar uma das maiores curiosidades das pessoas é saber como está o custo de viagem para o Estados Unidos, né?
    Eu acompanhei tudinho em suas redes sociais, mas confesso, ainda que eu seja suspeita, gostei muito mais da sua viagem para o Peru. E você, gostou mais de uma do que da outra?

    Curtir

    1. Então, me parece que mesmo com o dólar alto compensa ir para os Estados Unidos. Porém confesso que eu não me sentia muito atraído pela terra do tio San, mas acabei curtindo muito. Eu adorei tbm o Peru, mas eu acho que é outra vibe. O Peru é uma coisa mais histórica e o Estados Unidos acabou sendo algo mais tecnológico . Aprendi muita coisa legal e valeu muito a pena! Obrigado por acompanhar tudo, também acompanho todas as suas viagens, Eloah!

      Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s